segunda, 06 maio 2019 10:26

Devemos ou não consumir amêndoas diariamente?

Escrito por
Classifique este item
(1 Vote)

Os frutos secos são, regra geral, dos snacks mais recomendados pelos nutricionistas visto que são, não só excelentes aliados na dieta, como são também saudáveis. As amêndoas não fogem à regra e, como todos os frutos secos oleaginosos, contêm uma grande quantidade de gorduras saudáveis.

As amêndoas são ricas em gorduras monoinsaturadas, gorduras benéficas ao corpo já que são responsáveis por ativar e melhorar o metabolismo, ajudando o organismo a queimar gorduras armazenadas, sendo ainda responsáveis por manter o nível de açúcar no sangue estável, não causando picos de insulina.

Comer amêndoas promove a saciedade devido ao seu teor de fibra, proteína e gordura insaturada, reduzindo, desta forma, o apetite, o que significa que, juntamente com uma dieta equilibrada, a inclusão das mesmas no regime alimentar irá acelerar o processo de emagrecimento.

A média diária de consumo deverá rondar as 35 gramas de amêndoas. Em termos nutricionais essa quantidade contém 203 calorias, 7,4g de proteínas, 17,15g de gordura e 4,38g de fibra.

Para além de ser uma excelente fonte de gorduras insaturadas, fibras e carboidratos, fornece também vitaminas do complexo B, potássio, cobre e zinco.

A amêndoa, que contribui com uma dose extra de energia, tanto pode ser consumida antes ou depois dos treinos. Se consumida antes, ajuda na eliminação de toxinas do corpo e melhora o desempenho no treino; se consumida depois, a acção da oleaginosa auxilia na recuperação muscular após o treino, pois é nesse momento que o músculo “cresce” e precisa dos melhores nutrientes para esse efeito.

Outros benefícios deste fruto seco passam por reduzir o risco de doenças cardíacas devido à presença de flavonóides. É ainda uma aliada poderosa contra a osteoporose uma vez que é uma fonte rica em cálcio, magnésio e fósforo.

O consumo de amêndoas, nomeadamente óleo de amêndoas, nutre pele e cabelos fornecendo uma dose extra de vitamina E, um forte antioxidante que ajuda a prevenir o envelhecimento precoce das células da pele.

Ler 231 vezes Modificado em segunda, 06 maio 2019 10:34