sexta, 23 agosto 2019 17:01

Ácido fólico e a sua importância para as mulheres

Escrito por
Classifique este item
(4 votos)
Ácido fólico e a sua importância para as mulheres Ácido fólico e a sua importância para as mulheres

O ácido fólico é uma vitamina do complexo B com importantes benefícios, principalmente para as mulheres.

A vitamina B9, ou ácido fólico, é essencial para o corpo humano.

É fundamental no processo de manutenção e divisão celular, nomeadamente na construção e reparação do material genético, o ADN.

É, deste modo, fundamental o seu consumo numa fase prematura da gravidez quando se estão a formar as estruturas do embrião: o sistema nervoso central, cérebro, espinal medula e o coração.

Ele pode ser encontrado em vários alimentos como os vegetais de folhas verdes, cogumelos, leguminosas, beterraba, entre muitos outros.

Benefícios do ácido fólico

O ácido fólico desempenha um papel fundamental na síntese do ADN e na divisão celular, bem como na construção de músculos e na manutenção dos tecidos musculares.

Ele é um elemento importante não só na formação dos glóbulos vermelhos e melhoria dos níveis de hemoglobina, como também favorece a construção e reparação das células da pele.

Ainda, o ácido fólico é utilizado no tratamento de vários distúrbios mentais e emocionais como, por exemplo, no alívio da ansieade e depressão.

Os benefícios do ácido fólico incluem a prevenção de:

  • Ataques cardíacos;
  • Derrames;
  • Cancro (da mama, pancreático);
  • Defeitos congénitos durante a gravidez.

Uma vez que a quantidade consumida através dos alimentos é insuficiente, os profissionais de saúde indicam uma suplementação de ácido fólico para as mulheres grávidas ou mulheres que possam engravidar para evitar abortos, assim como defeitos do tubo neural e cerebrais.

A ação do ácido fólico é vital nas primeiras 4 a 8 semanas de gravidez, portanto, no caso de uma gravidez planeada, os suplementos devem ser tomados de 2 a 3 meses antes da gravidez.

Sintomas de défice de ácido fólico

Os sintomas de défice de ácido fólico incluem:

  • Anemia;
  • Perda de memória;
  • Fraqueza;
  • Língua dorida.

A falta desta vitamina pode levar a graves problemas de saúde entre os quais palpitações cardíacas, osteoporose e também os já mencionados defeitos congénitos dos quais a espinha bífida é o mais comum.

Ainda, tem vindo a ser relatado uma relação entre infertilidade e esterilidade em pacientes com défices de ácido fólico.

Alimentos com ácido fólico

  • Vegetais de folha verde (espinafres, alface, brócolos);
  • Queijo;
  • Cogumelos;
  • Espargos;
  • Leguminosas (lentilhas, feijão, ervilhas);
  • Citrinos (limão e laranja);
  • Produtos de trigo integral;
  • Fígado e rim;
  • Beterraba;
  • Levedura de cerveja;
  • Bananas;
  • Melão;
  • Nozes.

O ácido fólico quando tomados em doses exageradamente excessivas pode comportar vários efeitos secundários.

Aconselhe-se com o seu médico antes de começar a tomar qualquer tipo de suplementos.

Ler 173 vezes Modificado em segunda, 26 agosto 2019 19:30
Sara Ribeiro

Redatora Principal

"Tomei o gosto pelas palavras bem cedo.
Encantada por todas as leituras e escritas que passaram e continuam a passar por mim, o meu percurso inevitável em Comunicação guiou-me até aqui.
Continuarei, para sempre, enamorada pelo poder da informação e pela liberdade que ela respira."