sábado, 18 abril 2020 14:49

3 Dicas para reduzir o stress e ansiedade

Escrito por
Classifique este item
(0 votos)

O stress, tem se tornado inevitável para muitas pessoas.

A sociedade, o trabalho, o ambiente que nos rodeia, as responsabilidades com a família, o que exigimos de nós mesmos, entre outras coisas, são potenciais razões para a causa do stress e ansiedade. Sabendo isto, cabe-nos a nós próprios procurar as ferramentas necessárias para o equilíbrio.

Antes de falar de três ferramentas que considero fantásticas e uteis para trazer mais harmonia e tranquilidade aos nossos dias, acho importante explicar primeiro como a ansiedade e stress chegam até nós. Desta forma, é mais fácil perceber que benefícios conseguimos ao utilizar as ferramentas de que vou falar.

O nosso sistema nervoso central (SNC) é responsável por transmitir e receber informação de, e para todo o organismo, que está em constante procura de equilíbrio. Isso acontece através do sistema nervoso simpático e do sistema nervoso parassimpático.

Quando o primeiro é acionado, estamos em estado de alerta, e aqui a adrenalina é libertada no nosso organismo. As consequências são que o coração dispara, a respiração acelera, o cérebro transmite ondas bastante aceleradas, o oxigénio e os nutrientes distribuídos pelo cérebro e órgãos diminuem, e as defesas naturais enfraquecem. Com isto surge a ansiedade e o stress.

Se for o sistema parassimpático a estar no comando, o corpo produz noradrenalina. Os batimentos cardíacos são normais, o cérebro recebe o oxigénio e nutrientes necessários, onde a aptidão mental aumenta e os reflexos melhoram, o sistema imunitário é reforçado e o metabolismo funciona bem, atingindo o equilíbrio a todos os níveis. A consequência é um estado de relaxamento, que permite a regeneração do nosso organismo e um processo de cura natural do mesmo.

É então essencial um equilíbrio entre estes dois estados. Como conseguir isso? Visto que o primeiro estado já é comum no nosso dia-a-dia, temos de pôr em prática determinadas ferramentas, e PARAR. Aqui, vou falar-te apenas de três que conheço bastante bem.

Yoga

Yoga significa UNIÃO. É a união do nosso corpo com a nossa mente, e do nosso consciente com a nossa essência (eu interior), e é quando essa união é verdadeiramente sentida que tudo na nossa vida começa a fluir e a transformar-se, expressando-se especialmente através de felicidade e bem-estar.

Uma aula de Hatha-Yoga, que é todo o Yoga físico, foca-se especialmente no equilíbrio do corpo físico para facilitar o equilíbrio e união com o Ser na sua totalidade. Estas aulas são compostas maioritariamente por Asanas (posturas), Pranayamas (técnicas respiratórias que equilibram a energia interna) e Savasana (relaxamento).

Apesar de todo o Yoga nos ajudar a relaxar, porque paramos, dentro daquilo que mencionei desta prática, existem coisas ainda mais específicas para combater o stress. Dou-te o exemplo das posturas de cabeça para baixo, ou que massajam as nossas suprarrenais, e técnicas respiratórias que massajam o nosso coração (se quiseres experimentar uma aula online gratuitamente, envia mensagem privada para https://www.instagram.com/mariana_espadana/ ).

Meditação

Para perceber melhor o que é a Meditação é importante saber que a nossa mente é constituída por três partes distintas. A mente consciente, a mente inconsciente e a mente superior.

Ao meditar regularmente, alcançamos um estado de frequência mais elevado onde a nossa consciência passa por todas as partes da mente. No nosso dia-a-dia utilizamos apenas as nossas mentes consciente e inconsciente, mas com a meditação, a nossa consciência aproxima-se da mente superior, proporcionando-nos um profundo estado de paz, felicidade e amor.

Óleos essenciais

Os óleos essenciais são componentes aromáticas naturais, que resultam da extração dos componentes voláteis de diferentes partes das plantas. Eles passam facilmente de estado líquido ao estado de vapor, o uso de dois ou mais óleos em simultâneo potencializa os efeitos benéficos, e cada óleo pode ser usado aromaticamente, topicamente ou até ingerindo (é necessária informação prévia sobre a qualidade do óleo para usá-lo tópica e internamente).

Existem vários óleos essenciais que nos ajudam a acalmar, trazendo mais harmonia e tranquilidade para os nossos dias, e o mais conhecido é o óleo essencial de lavanda. Descobre mais sobre este e outros óleos neste artigo Óleos Essenciais para Relaxar.

Ler 222 vezes Modificado em sábado, 18 abril 2020 14:55