sábado, 15 fevereiro 2020 18:47

A importância da colina para a saúde (e onde a encontrar)

Escrito por
Classifique este item
(1 Vote)
A importância da colina para a sua saúde A importância da colina para a sua saúde

Este recém-nutriente essencial possui diversos benefícios para o seu organismo.

A colina foi reconhecida como nutriente essencial há relativamente pouco tempo, em 1998. Isto significa que é necessária para o bom funcionamento do organismo e, consequentemente, para a saúde.

Apesar do corpo produzir colina, é fundamental obter este nutriente a partir de outras fontes, nomeadamente da dieta alimentar.

Este nutriente desempenha várias funções num diverso número de processos vitais do corpo humano.

Entre outros, a colina promove e auxilia o funcionamento do fígado, desenvolvimento saudável do cérebro,  movimentos musculares, sistema nervoso e metabolismo.

Estes benefícios provêm do facto da colina afetar as células a nível estrutural, suportando a sua integridade, e no transporte de informação entre elas.

É também essencial no transporte de gordura e no metabolismo. Quantidades insuficientes de colina podem resultar numa acumulação de gordura e colesterol no fígado.

Além disso, tal como a vitamina B12 e o folato, a colina também ajuda no processo de síntese de ADN, evitando defeitos congénitos e outros problemas associados à gravidez.

Está também envolvida na produção de um importante neurotransmissor, a acetilcolina. Esta, por sua vez, está ligada à memória, movimento muscular e na regularização do ritmo cardíaco, estando ainda assoaciada a um menor risco de doenças cardíacas.

Apesar da quantidade adequada de colina variar de pessoa para pessoa, a dose média recomendada é de 425 mg para as mulheres e 550 mg para homens.

As principais fontes alimentares de colina são:

  • Fígado de vaca e galinha;
  • Peito de frango;
  • Ovos;
  • Batatas Vermelhas;
  • Cogumelos;
  • Lacticínios;
  • Salmão;
  • Vegetais crucíferos, como couve-flor e brócolos;
  • Feijão verde;
  • Leguminosas;
  • Óleo de soja.
Ler 408 vezes Modificado em quarta, 18 março 2020 19:19