quinta, 10 outubro 2019 14:27

Beringela: poucas calorias e muitos benefícios

Escrito por
Classifique este item
(1 Vote)
Beringela: poucas calorias e muitos benefícios Beringela: poucas calorias e muitos benefícios

A beringela é muito utilizada numa variedade de pratos pelo mundo fora e com boa razão. Conheça os benefícios que ela traz para a sua saúde.

Tal como a abóbora este alimento reconhecido maioritariamente como um vegetal é, na realidade, um fruto.

Apesar da beringela roxa ser a mais utilizada, tanto em Portugal como no exterior, ela possui diferentes tipos que variam em cor e tamanho. Podem ser vermelhas, verdes ou pretas.

Ela oferece aos pratos uma textura e sabores únicos, para além dos benefícios que traz para si e para a sua saúde.

Saiba quais são, então, os benefícios da beringela.

Benefícios da Beringela

Desde a redução do risco de certas doenças ao controlo do peso, passando pela incrível versatilidade, a beringela é uma excelente adição à sua dieta alimentar.

Conteúdo Nutricional

A beringela é um alimento rico em nutrientes, contendo na sua maior parte vitaminas, minerais e fibras, ao mesmo tempo que oferece muitas poucas calorias: cerca de 30 calorias em 100 gramas.

Possui, em menores quantidades, ferro, cálcio, niacina, manganês e cobre. Apresenta, em maiores quantidades:

  • Hidratos de carbono;
  • Fibra;
  • Proteína;
  • Antioxidantes;
  • Potássio, Fósforo, Magnésio e Ferro;
  • Vitaminas do complexo B, como o Folato;
  • Vitaminas C e K.

Também a pele da beringela é rica em antioxidantes, fibra, potássio e magnésio.

Folato

O folato desempenha um papel importante na reprodução de ADN e no crescimento e divisão celulares, essencial para mulheres que tencionam engravidar ou estão grávidas.

Danos celulares

A beringela é rica em antioxidantes, nomeadamente os flavonóides antocianinas, pigmentos com propriedades antioxidantes que protegem o organismo contra danos celulares provocados pelos radicais livres.

Ossos

Estes compostos naturais responsáveis pela cor também têm vindo a ser relacionados com a redução do risco de osteoporose, favorecendo o fortalecimento dos ossos, assim como da sua densidade.

Cérebro

Como fontes de fitonutrientes, responsáveis por uma melhoria da circulação sanguínea, a beringela também favorece o bom funcionamento do cérebro uma vez que promove a circulação do sangue pelo corpo todo, incluindo o cérebro.

Esta maior circulação de sangue no cérebro resulta num estímulo ao desenvolvimento das vias neurais e, consequentemente, numa melhoria da memória.

Fígado

Estudos demonstraram que os antioxidantes presentes na beringela podem ajudar a proteger o fígado contra determinadas toxinas.

Benefícios Beringela

Doenças cardiovasculares

Estudos revelam que devido à presença destes antioxidantes, a beringela pode, de facto, ajudar a diminuir o risco de doenças cardiovasculares.

Ainda, estudos têm vindo a relacionar a beringela com a redução dos níveis do chamado mau colesterol, assim como dos níveis de triglicerídeos.

Esta redução de colesterol está ligada ao conteúdo de fibra presente nas beringelas que diminui a quantidade de colesterol absorvido pelo corpo.

Cancro

Uma série de estudos feitos em animais revelaram que a beringela tem alguns compostos específicos que demonstram um grande potencial na luta contra as células cancerígenas.

Ainda, apesar de mais estudos serem necessários, estes compostos parecem particularmente eficazes contra o cancro de pele quando aplicados diretamente na pele.

Estes elementos são encontrados em plantas da família Solanaceae que inclui a beringela, tomate, batata, pepino, entre outros.

Anemia

Uma vez que contribui com ferro, a beringela também ajuda a evitar a anemia, caracterizada por um défice deste nutriente e que pode levar a fadiga, entre outros sintomas. Ainda, contém cobre, outro elemento essencial para as células vermelhas.

Açúcar

Devido ao seu conteúdo rico em fibra, a beringela pode diminuir os níveis de açúcar no sangue uma vez que desacelera a digestão e, portanto, a absorção deste pelo corpo.

Também os compostos vegetais presentes, os polifenóis, ajudam nesta tarefa reduzindo a taxa de absorção de açúcar e aumentando a secreção de insulina.

Estas propriedades fazem da beringela um alimento ideal para quem tem diabetes.

Digestão

O teor de fibra contribui para a saúde do sistema digestivo, favorecendo uma digestão mais fácil.

Perda de Peso

Tal como a maior parte dos vegetais e das frutos, a beringela tem poucas calorias.

Aliando isso à quantidade de fibra que tem, torna-se um ingrediente importante para uma dieta alimentar própria para quem quer emagrecer.

Lembre-se que a fibra “enche o estômago” e ajuda a manter a sensação de saciedade.

Versatilidade

Poucas frutas, e vegetais também, têm a mesma versatilidade da beringela.

Ela pode ser consumida cozida, assada, grelhada, frita, estufada…

Em muitas dietas, devido às baixas calorias que apresenta, a beringela serve como o substituto ideal de alguns alimentos calóricos. Isto ajuda a reduzir o consumo de calorias, assim como de hidratos de carbono, ao mesmo tempo que aumenta a ingestão de fibra e nutrientes.

Como escolher

Prefira as beringelas que apresentam uma casca firme e rija.

Como armazenar

Para as conservar no frigorífico, coloque as beringelas num saco plástico para prolongar a sua frescura.

Depois de cortadas ou descascadas, e uma vez que a polpa escurece rapidamente, cozinhe-a o mais rápido possível ou deixe-as de molho num recipiente com água e sumo de limão.

Um outro fruto muitas vezes confundido como vegetal é a abóbora. Conheça os benefícios da abóbora.

Ler 107 vezes Modificado em segunda, 14 outubro 2019 10:24
Sara Ribeiro

Redatora Principal

"Tomei o gosto pelas palavras bem cedo.
Encantada por todas as leituras e escritas que passaram e continuam a passar por mim, o meu percurso inevitável em Comunicação guiou-me até aqui.
Continuarei, para sempre, enamorada pelo poder da informação e pela liberdade que ela respira."