segunda, 30 março 2020 15:55

Truques para reduzir o desperdício alimentar

Escrito por
Classifique este item
(2 votos)
Truques para reduzir o desperdício alimentar Truques para reduzir o desperdício alimentar

Aproveite ao máximo os ingredientes na sua cozinha.

A utilização de todo o potencial dos alimentos e a consequente redução do desperdício alimentar são factores essenciais para economizar e, ao mesmo tempo, ser mais verde, contribuindo para uma maior sustentabilidade e uma diminuição da pegada ecológica.

Mais importante ainda nestes dias de isolamento social, reduzir o desperdício alimentar contribui para diminuir as idas ao supermercado.

Descubra algumas dicas e truques para pôr em uso o que normalmente fica de lado e que é igualmente nutritivo e saudável, mas também delicioso.

Pão. O pão que já não está fresco pode ser utilizado para fazer croutons para pôr na salada ou sopa. Corte o pão em pequenos cubos, espalhe num tabuleiro e regue com um fio de azeite. Tempere com sal, pimenta e ervas e coloque no forno deixando cozinhar cerca de 10 minutos. Para pão que já está duro, coloque-o num processador de comida, adicione salsa e obtenha um pão ralado perfeito.

Folhas dos vegetais. Geralmente as folhas de vegetais como a couve-flor, rabanetes e beterraba, por exemplo, vão para o lixo, contudo, elas são um ótimo acompanhamento para a sua refeição e ideais para criar molhos deliciosos. Por outro lado, as folhas de couve-flor ficam uma delícia quando assadas e temperadas com especiarias e as folhas de rabanete e beterraba podem ser utilizadas em saladas também.

Cascas de batata. Nada melhor para aproveitar as cascas da batata do que fazer batatas fritas caseiras como as de pacote. Lave bem as cascas, seque-as, tempere com sal e azeite e coloque no forno. Deixe assar até ficarem ligeiramente castanhas.

Salada. Se compra molhos para salada como, por exemplo, molho vinagrete, comece a fazer o seu próprio nas quantidades que realmente precisa. Misture azeite, vinagre e especiarias para temperar a salada.

Ervas frescas. Deixe-as secar ou guarde-as no congelador para as preservar e utilizar quando quiser. Não se esqueça de também aproveitar os caules das ervas para  temperar os pratos, fazer molhos e caldos.

Carne e Peixe. Reaproveite os ossos e a pele que ficam para trás, bem como as cabeças de peixe que provavelmente não come, e faça caldos de carne e peixe.

Caldo. Coloque os restos das cascas dos vegetais e batatas, os extremos das cenouras, talos de ervas e afins num liquidificador ou processador de comida e faça o seu próprio caldo. Basta colocar a mistura numa panela, temperar com sal e cobrir com bastante água. Deixe ferver, reduza o lume e tape, deixando cozinhar assim por algumas horas.

Caçarolas. Nada nos permite aproveitar os restos como uma refeição de caçarola. Junte os alimentos que sobraram, como vegetais e carne, e adicione, por exemplo, feijões para uma refeição deliciosa, completa e sustentável.

Bananas. Aproveite as bananas que já estão muito maduras para fazer pão de banana. Pode utilizar o fruto inteiro, cascas incluídas.

Batidos e Smoothies. Junte a fruta e vegetais que já não estão tão frescos num liquidificador, adicione leite e aveia, e consiga um batido nutritivo e saudável.

Chás. Aproveite cascas de limão, de laranja ou restos de gengibre que já não vai utilizar e faça chás deliciosos que vão aquecer a alma.

Também é importante ter em atenção o armazenamento da comida. É extremamente importante saber a melhor forma e o melhor local para guardar os alimentos para manterem a sua frescura o máximo de tempo possível. Lembre-se que certos alimentos devem ficar separados, como é o caso das batatas e cebolas que não devem ser armazenadas juntas.

Ler 697 vezes Modificado em terça, 31 março 2020 10:56
Sara Ribeiro

Redatora Principal

"Tomei o gosto pelas palavras bem cedo.
Encantada por todas as leituras e escritas que passaram e continuam a passar por mim, o meu percurso inevitável em Comunicação guiou-me até aqui.
Continuarei, para sempre, enamorada pelo poder da informação e pela liberdade que ela respira."