terça, 28 janeiro 2020 15:07

O desafio da aceitação corporal de nove mulheres portuguesas

Escrito por
Classifique este item
(2 votos)
O desafio da aceitação corporal de nove mulheres portuguesas O desafio da aceitação corporal de nove mulheres portuguesas

Extraordinárias, estas nove mulheres partilharam o seu testemunho relativamente à autoconfiança e aceitação corporal.

A campanha foi da loja especializada em Bra Fitting e consultoria de lingerie, Dama de Copas, e surgiu no âmbito do seu 10º aniversário.

Um casting aberto a todas as mulheres revelou estas (e outras) fantásticas mulheres que sempre lutaram com problemas de autoestima e dificuldades em aceitar o seu corpo como ele é.

Catarina, Cláudia, Maria João, Andreia, Beatriz, Adriana, Miriam, Cristina e Astrid são apenas nove entre as muitas mulheres portuguesas que não se sentem bem com o seu próprio corpo e que sofrem, a maior parte das vezes, em silêncio.

Seja por sentimentos negativos próprios ou derivados até de bullying, estas nove mulheres dão o seu testemunho provando que uma mentalidade positiva em relação ao corpo é possível, mesmo quando assim não parece.

Conheça as estrelas da campanha de aceitação corporal e, mais abaixo, veja o vídeo dos testemunhos destas nove mulheres.

A Adriana nunca gostou do seu corpo. Tem o que é considerado excesso de peso e batalha diariamente com isso.

Agora com 19 anos, Cláudia começou a ter peito aos 14, ao contrário das suas colegas, o que a deixava muito desconfortável com o seu corpo.

A Andreia tem uma doença crónica e é ostomizada, o que lhe alterou permanentemente o corpo e o seu estilo de vida. Surpreendentemente, nunca se sentiu tão bem consigo mesma como agora.

Dama de Copas Body Positivity Cláudia Adriana Andreia(da esquerda para a direita) Cláudia, Adriana e Andreia

A Beatriz luta com problemas de autoestima desde sempre, tendo chegado a pesar 43Kg. É o exemplo de que, mesmo as mulheres consideradas magras, podem não se sentir bem com o seu corpo.

Já a Miriam recorda que é a gorda e a mamalhuda desde que se lembra, tendo sofrido de bullying. Sempre lhe disseram que, a continuar dessa forma, nunca conseguiria concretizar o seu sonho de trabalhar em televisão. Hoje trabalha em rádio e televisão e partilha a sua viagem de aceitação nas redes sociais.

A Cristina decidiu mudar de vida em 2017. Perdeu peso e começou a praticar desporto diariamente. Aceita-se tal como é, com as estrias, a barriga e a celulite.

Dama de Copas Body Positivity Miriam Beatriz Cristina(da esquerda para a direita) Miriam, Cristina e Beatriz

Uma voz ativa de body positivity, Catarina é modelo plus size e ajuda quem a segue nas redes sociais a terem uma visão diferente (e mais amiga) do seu corpo.

A Astrid encontra-se grávida do primeiro filho. Irradia beleza e confiança e a sua mensagem é simples: amem-se como são.

A Maria João ganhou autoestima através da dança, a sua paixão, e hoje ensina crianças a exprimirem-se e a gostarem mais delas próprias da mesma forma.

Dama de Copas Body Positivity Catarina Maria João Astrid(da esquerda para a direita) Catarina, Maria João e Astrid

Chegou a altura de dizer basta e aceitar e salientar que todas as mulheres são capazes de amor próprio e autoconfiança independentemente das suas idades, tamanhos e formatos de corpo. Porque estas características não são motivo para se sentirem mal com os seus corpos, nem um impedimento para atingir os seus sonhos.

Para além das fotografias, Catarina, Cláudia, Maria João, Andreia, Beatriz, Adriana, Miriam, Cristina e Astrid estiveram presentes num desfile da Dama de Copas na loja em Santa Justa.

Espreite o vídeo onde elas partilham as suas inseguranças passadas e transmitem a confiança e poder que ganharam.

Ler 242 vezes Modificado em quarta, 26 fevereiro 2020 17:06