quarta, 23 outubro 2019 10:11

O que é a Dieta de Daniel, a dieta inspirada na Bíblia

Escrito por
Classifique este item
(4 votos)
O que é a Dieta de Daniel, a dieta inspirada na Bíblia O que é a Dieta de Daniel, a dieta inspirada na Bíblia

A Dieta de Daniel existe desde os tempos bíblicos. Saiba tudo sobre a Dieta de Daniel.

Lembra-se da Dieta PaleoA Dieta Paleo inspira-se no que os nossos antepassados coletores e caçadores comiam, evitando os alimentos processados que existem hoje em dia.

Agora, uma nova tendência alimentar surgiu com a Dieta de Daniel, baseada nas histórias do Livro de Daniel, um livro do Antigo Testamento da Bíblia.

E porque ficou agora conhecida esta dieta? A culpa é do ator Chris Pratt, estrela de filmes como Jurassic World e Guardiões da Galáxia.

Recentemente, o ator partilhou com os seus seguidores nas redes sociais que estava a fazer a Dieta de Daniel.  Ele descreveu o plano alimentar como “21 dias de oração e jejum”.

A Dieta de Daniel trabalha em três diferentes perspetivas: espiritual, mental e emocional.

Dieta de Daniel

O profeta Daniel restringia a sua dieta por longos períodos de tempo, abstendo-se de alimentos como carne, pão e vinho, e consumindo “nada além de vegetais para comer e água para beber”.

De acordo com as histórias, estes períodos de jejum não só deixavam Daniel mais saudável, como também o enriqueciam com mais sabedoria e conhecimento sobre Deus.

Atualmente, a dieta evoluiu e a sua versão moderna é uma dieta vegan, ainda que mais restrita, que permite todas as frutas e legumes, grãos integrais, oleaginosas e sementes, leguminosas, óleos, como o de abacate e coco, e alimentos de soja.

Carne e peixe, alimentos de origem animal, lacticínios, adoçantes, pães com fermento, gorduras sólidas, alimentos processados, álcool e bebidas com cafeína, são os alimentos a evitar.

Saliente-se que a Dieta de Daniel não tem como objetivo principal a perda de peso. Ela é considerada como uma experiência espiritual de sacrifício que deve ter a duração de 3 semanas.

Benefícios

O que a Dieta de Daniel pede não é um jejum dito tradicional, porque não há restrições na quantidade de comida, contudo, os alimentos permitidos são baixos em calorias, mas ricos em fibra e enchem, o que acaba por ajudar a perder alguns quilos.

Um estudo realizado nos Estados Unidos revelou que as mulheres e homens que fizeram a Dieta de Daniel durante os 21 dias apresentaram redução da pressão arterial, colesterol e insulina, mas pouca variação no peso.

Há quem defenda que a Dieta de Daniel permite uma limpeza e um detox ao organismo.

Isto acontece porque o corpo faz uma pausa dos alimentos mais difíceis de digerir, dando mais energia que, por seu lado, dá uma oportunidade ao corpo de se restaurar.

Dieta de Daniel

Restrições

Pessoas que sofrem de doenças crónicas, como diabetes ou hipertensão, ou qualquer outro problema de saúde, devem consultar um médico antes de começar a nova dieta alimentar.

E lembre-se que qualquer dieta restritiva pode levar à perda de peso, contudo, mantê-lo é sempre muito mais difícil quando se começa a comer de tudo outra vez.

Ainda, para quem quer seguir a dieta por um longo prazo, é recomendada a toma de um suplemento de vitamina B-12.

Alimentos que pode consumir:

Os vegetais são a base da dieta, logo, todos podem ser consumidos, frescos, congelados, crus ou cozinhados, com exceção de vegetais em lata.

As frutas, de 1 a 3 porções por dia, podem ser frescas, congeladas ou cozinhadas, e tal como os vegetais, não podem ser de lata. Prefira as maçãs, bagas, cerejas e citrinos.

Grãos integrais, como arroz integral, quinoa, aveia ou trigo sarraceno, devem ser consumidos com moderação.

As leguminosas, também em moderação, podem ser secos e cozidas em água. Podem ser de lata desde que não contenham sal nem outros aditivos e os seus únicos ingredientes sejam água e as leguminosas.

Também sem nenhuma adição de sal ou qualquer outro ingrediente, pode comer oleaginosas, cruas ou cozinhadas.

Já as bebidas, pode consumir água; água de coco; sumo de vegetais; leite de coco; e leite de amêndoa.

Alimentos que não pode consumir:

A lista de alimentos proibidos na Dieta de Daniel inclui:

  • Carne;
  • Marisco;
  • Adoçantes;
  • Lacticínios;
  • Alimentos processados;
  • Pão, massa, farinha e bolachas, a não ser que tenham sido feitas com grãos germinados;
  • Doces e bolos;
  • Assados;
  • Óleos;
  • Café;
  • Bebidas energéticas.
Ler 175 vezes Modificado em quinta, 14 novembro 2019 09:42
Sara Ribeiro

Redatora Principal

"Tomei o gosto pelas palavras bem cedo.
Encantada por todas as leituras e escritas que passaram e continuam a passar por mim, o meu percurso inevitável em Comunicação guiou-me até aqui.
Continuarei, para sempre, enamorada pelo poder da informação e pela liberdade que ela respira."