quarta, 02 outubro 2019 10:18

Starbucks abre mais uma loja em Lisboa

Escrito por
Classifique este item
(3 votos)

A Starbucks abriu mais uma loja em Lisboa, desta vez na Rua de Santa Justa.

O novo espaço tem uma localização privilegiada e acessível a todos aqueles que passeiem pelas ruas da baixa lisboeta, junto ao famoso elevador.

A zona histórica de Lisboa é muito caracterizada pela arquitetura pombalina e as paredes divisórias inspiradas neste estilo fazem deste um espaço único, cheio de identidade e cultura. A nova loja está decorada com tons de café, muitos elementos em madeira, cores quentes e uma iluminação simples, misturando traços modernos com traços tradicionais. Com uma pintura à mão em madeira e outras obras de arte impressas em tecido, a nova loja Starbucks é um espaço agradável e acolhedor que mantém as características tipicamente lisboetas e adiciona um toque cosmopolita.

Os desenhos pintados à mão em madeira atraem os clientes para a parte de trás da loja. O pórtico em bronze no bar deixa o rosto da ninfa pintada visível para quem chega à loja. O balcão assenta numa pedra grande em forma de L, totalmente revestido a madeira, com um rodapé em bronze mais alto do que é normal, que enaltece o efeito da madeira.

O serviço especial e personalizado dos partners da Starbucks mantém-se como um dos cartões de visita da marca, assim como a promessa do ambiente perfeito para pedir uma bebida e apreciá-la. O wi-fi gratuito e o aroma a café acabado de moer são elementos essenciais no espaço, ideal para uma pausa na confusão da cidade.

Os clientes têm à sua disposição café 100% arábica de alta qualidade, que podem beber como espresso, na sua bebida preferida, nas várias opções disponíveis durante todo o ano e a possibilidade de escolher o tipo de café, leite e outras variedades. Podem ainda provar edições limitadas, como o Pumpkin Spice Latte, até ao dia 7 de novembro.

Com esta loja, a marca conta com 23 lojas em Portugal, marcando já presença nas principais cidades portuguesas: localidades de Lisboa, Porto, Braga, Cascais, Faro, Funchal, Vila Nova de Gaia e Loulé.

Ler 62 vezes Modificado em segunda, 14 outubro 2019 14:04